Arquivo | nacional RSS feed for this section

PSOL lança Luiza Erundina para presidenta da Câmara dos Deputados

11 jul

13592693_10209357400349812_1908242718475810303_nFonte: PSOL50

O PSOL anunciou nesta segunda-feira (11) a candidatura de Luiza Erundina (SP) para a Presidência da Câmara, cargo vago desde a renúncia de Eduardo Cunha (PMDB/RJ) na última semana. A eleição está prevista para ocorrer na quarta-feita (13).

Em coletiva de imprensa para divulgar o anúncio, a bancada do PSOL reafirmou a luta por direitos sociais como prioridade da candidatura. “Nossa proposta tem coerência com a corajosa ação do PSOL nesta Casa. Será uma candidatura sem compromisso com o presidente interino e nem com o ex-presidente da Câmara que está para ser cassado. Nós temos compromisso com o povo brasileiro”, afirmou Luiza Erundina, que também é a pré-candidata do partido a prefeita de São Paulo.

Continue lendo

O pequeno grande PSOL

14 jun
A luta pelo #ForaCunha aconteceu nas ruas e no Parlamento.

A luta pelo #ForaCunha aconteceu nas ruas e no Parlamento.

Por Sérgio Ferreira*

A narrativa que conta a vitória do pequeno Davi contra o gigante Golias, serve muito bem de analogia para ilustrar a parcial vitória do povo brasileiro, ocorrida hoje no Conselho de Ética da Câmara dos Deputados. O grande Golias, Eduardo Cunha, vinha somando vitórias em cima de vitórias a seu favor. Passava por cima de tudo e de todos. Fez o que quis. Coordenou o crime organizado na esfera da política nacional. Por vingança, foi o principal articulador do afastamento da presidenta Dilma Rousseff. Colecionava títulos e esnobava seus adversários e inimigos. Ria sarcasticamente da cara do povo brasileiro. Alguns o aplaudiam. “É meu bandido favorito”, falavam os desvergonhados. Mas, nada é para sempre.

A queda do gangster, como disse o deputado Glauber Braga (PSOL-RJ) na votação do impeachment, acabou de começar. E aqui vale com muita justiça considerar o trabalho e honra de um pequeno em tamanho, mas grande na ação, partido brasileiro, o PSOL, Partido Socialismo e Liberdade, que surgiu a partir da expulsão de alguns deputados do PT, logo que começou o governo Lula. Eles não concordaram com a reforma da previdência imposta pelo Partido dos Trabalhadores contra os trabalhadores. Acreditavam, e com razão, que seria um retrocesso para os trabalhadores brasileiros. Votaram contra. Foram expulsos. O PT aprovou a reforma com a ajuda amiga de alguns deputados de setores conservadores. Surgiu o mensalão petista, uma prática muito usada pelos tucanos.

Continue lendo

Convite: novas rodas de conversa sobre nosso momento político

16 maio

A sede do PSOL voltará a receber rodas de conversa para debater o momento político, assim como já aconteceu no mês de março. As reuniões vão acontecer nos dias 18 e 19 de maio, sempre a partir das 19h00, na sede do PSOL, que fica no 13º andar do Edifício Asa (rua Voluntários da Pátria, 475, na praça Osório).

O objetivo é conversar sobre a situação política pela qual passa o país após a posse de Michel Temer como presidente interino e encaminhar ações e manifestações, bem como o apoio às que já estão ocorrendo, como a ocupação do IPHAN. Para as reuniões, que serão abertas, estão sendo convidados militantes, filiados e filiadas e simpatizantes do partido na cidade.

Amanhã vai ser melhor

1 abr

esqurdaDiante de um momento político marcado pelo acirramento entre PT e PSDB, o PSOL tem procurado apresentar-se como alternativa a essa polarização, buscando a construção de um programa que atenda as reais necessidades da maioria da população. Sabemos que, infelizmente, os dois projetos dominantes (tanto o aplicado pelo PT como aquele defendido pelo PSDB) jogam os custos da crise econômica nas costas dos trabalhadores e da juventude.

Para construir essas propostas que permitam uma saída da crise econômica que não penalize os mais pobres, o PSOL convida a todos e todas para o debate “Amanhã vai ser melhor”, que será realizado na praça Rui Barbosa, no centro de Curitiba, no dia 05 de abril, a partir das 18h.

A ideia é mostrar que não somos obrigados a ter que sempre escolher entre o “fantasma do atraso” representado pelos tucanos e o atual modelo representado pelo PT. O amanhã precisa ser melhor!

O debate “Amanhã vai ser melhor” foi encaminhado a partir das rodas de conversa realizadas na sede do partido.

Derrotar o autoritarismo da direita e o ajuste fiscal do governo Dilma

22 mar

Fonte: PSOL50

Diante do aguçamento da crise política e das movimentações dos atores sociais envolvidos no processo, a Executiva Nacional, reunida no dia 22 de março de 2016, apresenta seu posicionamento e orientações para sua militância.

1. Reafirmamos que a crise política é turbinada pela crise econômica e que seguimos sendo oposição programática e de esquerda ao governo Dilma. Continuaremos combatendo suas políticas regressivas e questionando as concessões feitas ao grande capital. Diante da atual crise, do ajuste fiscal e da retirada de direitos, é inegável que este governo está afastado dos reais anseios da maioria da população.

2. Porém, seguindo a deliberação de seu V Congresso, nosso partido não considera correto o processo de impeachment movido contra a presidenta Dilma. O impeachment, instrumento que só pode ser usado com crime de responsabilidade comprovado, se tornou uma saída golpista para negar o resultado das urnas, com o propósito de retirar a presidenta Dilma do poder, buscando um “acordão” para salvar outros citados nas investigações da Lava Jato. A troca de governo acelerará os ajustes pretendidos pelos poderosos, retirando direitos dos trabalhadores e atingindo nossa soberania.

Continue lendo

PSOL terá rodas de conversa sobre o momento político

17 mar

O PSOL-Curitiba irá promover, nos dias 22 e 23 de março, rodas de conversa sobre o atual momento político brasileiro. O objetivo do partido é construir coletivamente um posicionamento e ações diante do acirramento da crise política e econômica pela qual passa o país. Para as reuniões, que serão abertas, estão sendo convidados militantes, filiados e filiadas e simpatizantes do partido na cidade.

As reuniões irão acontecer na sede do PSOL, no 13º andar do Ed. Asa (R. Voluntários da Pátria, 475), na praça Osório, sempre a partir das 19h00.

Continue lendo

A crise e o impeachment – Nota do Diretório Nacional do PSOL

5 dez

O Diretório Nacional do Partido Socialismo e Liberdade (PSOL), diante dos últimos acontecimentos que agravam a crise política, considera que:

1- Os efeitos da crise econômica e política, aprofundadas pelas medidas do governo federal, pesam especialmente sobre os trabalhadores e o povo, que sofrem a violência do desemprego e da perda do poder de compra dos salários, enquanto os grandes rentistas e os bancos ampliam seus lucros. Nosso modelo neoliberal periférico se aprofunda com a política de “ajuste” do governo Dilma. Os governos estaduais do PSDB, PMDB, PT e outros agem na mesma direção.

2- Vivemos a mais aguda degradação do nosso sistema político, com o crescente desencanto da população em relação aos parlamentos e aos partidos, quase todos capturados pelas grandes corporações econômicas e corrompidos pelo assalto aos cofres públicos, o eleitoralismo, o clientelismo, a demagogia e a rebaixada disputa por nacos do Orçamento Público.

Continue lendo

Nota do PSOL sobre representação contra o Deputado Chico Alencar

29 out

12189943_736484719789095_3772459951038121221_n

Neste dia 29 de outubro o Solidariedade, através de seu presidente nacional, Deputado Paulo Pereira da Silva (SD/SP), protocolou junto ao Conselho de Ética da Câmara dos Deputados uma Representação contra o Deputado Chico Alencar(PSOL/RJ), líder do PSOL e uma das principais lideranças nacionais que exigem o afastamento de Eduardo Cunha.

A iniciativa do famigerado Paulinho da Força – que é réu no Supremo Tribunal Federal – baseia-se em denúncias falsas e tem como objetivo intimidar o PSOL e seu líder na luta contra Eduardo Cunha.

Os fatos mencionados por Paulinho na referida representação já foram objeto de análise por parte do Ministério Público, com procedimento arquivado em favor do deputado Chico Alencar, restando provada “inexistência de improbidade administrativa ou dano ao erário, e a boa-fé do deputado”. Ao mesmo tempo, suas contas de campanha, com montante dos mais baixos entre os deputados eleitos no Rio de Janeiro, foram aprovadas pela Justiça Eleitoral.

É sabido que Paulinho da Força e seu partido compõem a base de sustentação do presidente da Câmara dos Deputados e têm colaborado para impedir o andamento das investigações contra Cunha.

Por isso, o PSOL repudia veementemente qualquer ataque à história e à atividade parlamentar de Chico Alencar, um deputado que orgulha nosso partido e que terá, hoje e sempre, toda a nossa solidariedade na luta contra as máfias que se apoderaram do legislativo brasileiro.

Não nos calarão! Fora Cunha e todos os corruptos!

Todo apoio a Chico Alencar e à bancada do PSOL na Câmara dos Deputados!

Diretório Nacional do PSOL 50 – Partido Socialismo e Liberdade
Brasília, 29 de outubro de 2015

PSOL apresenta relatório em separado na CPI da Petrobras

21 out

cpi-petrobras_pizza (1)Fonte: PSOL50

O deputado Ivan Valente (PSOL/SP) apresentou na tarde desta quarta-feira (21), um relatório alternativo na sessão da CPI da Petrobras, apresentando os limites dos trabalhos desta Comissão, os equívocos na condução das investigações e pedindo o indiciamento das pessoas, inclusive políticos denunciados pela PGR.

No relatório, o parlamentar ressalta que a CPI incorreu num grave erro logo no início dos seus trabalhos quando permitiu que deputados beneficiados por doações eleitorais das empreiteiras denunciadas na Operação Lava Jato, se mantivessem na condição de investigadores de seus próprios financiadores de campanha. De acordo com o documento, “tal fato prejudicou a isenção dos trabalhos da CPI, impedindo que elementos-chave para as investigações fossem ouvidos pela Comissão. A mais escandalosa decisão foi aquela que impediu que políticos indiciados pelo MPF fossem ouvidos pela CPI”.

Continue lendo

Deputados do PSOL continuam os melhores, segundo Prêmio Congresso em Foco 2015

19 out

BancadaFonte: PSOL50

A bancada do PSOL na Câmara foi a que mais subiu ao palco do Unique Palace, na noite desta quinta-feira (08), durante a entrega do Prêmio Congresso em Foco 2015. Como vem ocorrendo nas últimas premiações, este ano não foi diferente e, mais uma vez, os deputados do partido foram os mais bem avaliados na votação tanto dos jornalistas quanto do público.

Com 19.809 votos, Jean Wyllys (RJ) levou o primeiro lugar na votação do público, aberta, pela internet, até o último dia 20 de setembro. Esta é a terceira edição do prêmio em que o deputado pelo PSOL do Rio de Janeiro recebe a homenagem. Ele foi o deputado mais votado nas edições de 2013 e 2012.

Continue lendo